Tuesday, July 31st, 2012 | Author:

Na parte da construção com vista para o jardim, grandes portas de vidro permitem a transição entre o interno e o externo e a observação da natureza de dentro da sala de jantar ou da sala de lareira. No caminho entre a casa e o ateliê da proprietária -um cantinho especial -, marantas definem a passagem e bambusas o separam da área de descanso, composta de pedriscos. Este caminho tem desenho orgânico, sinuoso e desnivelado, para dar uma sensação bem natural, como se a geografia original do terreno tivesse sido preservada.

Tags:
Você pode acompanhar os comentários desse post através do RSS 2.0 feed. Você pode ou mandar um, or trackback do seu site pra cá.
Deixe um comentário » Log in