Saturday, October 27th, 2012 | Author:

Para a escolha das espécies que compõem o jardim, Adriane explica que foi necessário avaliar alguns aspectos. “Levei em consideração a fácil manutenção e as diferentes formas, texturas, cores e volumes”, conta. “As plantas escolhidas proporcionam movimento e leveza ao local”, acrescenta.
Outro ponto de destaque da área externa é o projeto de iluminação, instituído para valorizar as plantas ao redor da piscina e da hidromassagem, promovendo não só um show à parte, mas, ainda, permitindo a utilização do espaço a qualquer hora. Sobre isso, Adriane diz que um local bem iluminado é fundamental, pois, de acordo com ela, enaltece o trabalho paisagístico e cria sensações de aconchego e diferentes ambientes cenográficos, que vão do alegre ao mais dramático. “Exploramos bem o quesito iluminação neste jardim. Além dos spots com lâmpadas Par 38 e Par 20, utilizados nas plantas, empregamos um sistema com fibra ótica na piscina, hidromassagem e para balizar os caminhos”, detalha. Quanto ao grau de beleza obtido, Adriane diz que a escolha de espécies apropriadas decorre, sobretudo, do necessário estudo do espaço antes de dar início à execução do projeto. “Isto é fundamental, pois só assim é possível planejar o jardim da maneira correta, verificando o tipo do solo, a topografia do terreno, a insolação, a arquitetura e a iluminação, por exemplo. Com isso, o resultado é muito melhor.

Categoría: Cuidar das plantas
Você pode acompanhar os comentários desse post através do RSS 2.0 feed. Você pode ou mandar um, or trackback do seu site pra cá.
Deixe um comentário » Log in