Monday, March 04th, 2013 | Author:

PROFISSIONAL ULTRAPASSA OBSTÁCULOS E IMPLANTA PAISAGISMO

Como em qualquer outra atividade, os profissionais do paisagismo se deparam com muitos desafios. No caso da arquiteta-paisagista Márcia Lima, seu grande teste nesta residência, localizada em Ben-fica, a 100 quilômetros de Belém, foi integrar a piscina ao jardim, pois esta ficou em um nível mais alto em relação ao terreno. “Para solucionar este detalhe, criei floreiras como se estivesse elevando o jardim, e o melhor é que essa integração se deu de maneira harmônica, sem competir com os outros espaços.”
Márcia utilizou espécies de fácil manutenção, como barbas-de-serpente (Liriope muscari), eugênias {Eugenia sprengelü) e diferentes tipos de palmeiras. “Como forração, optei por pedriscos e, no nível mais alto, lantana-cambará”, explica a profissional, que se preocupou em escolher plantas que tivessem diferentes cores e texturas para realizar contrastes. “A iluminação também foi pensada de modo que valorizasse as vegetações de maneira pontual.”
Os moradores da casa são grandes amantes de esportes náuticos, como iatismo, esqui aquático e pesca, além de exercícios aeróbicos. “Todas essas atividades são desenvolvidas em meio à natureza. Próximo ao píer, onde fica a lancha, criei um elemento para esconder a área de serviço, usando toras de madeira macheadas com alpínia”, conta.

Você pode acompanhar os comentários desse post através do RSS 2.0 feed. Você pode ou mandar um, or trackback do seu site pra cá.
Deixe um comentário » Log in