Arquivado em la Categoría » ESPIRRADEIRA «

Thursday, October 15th, 2009 | Author:

Flor espirradeira

Entre as flores simples, as preferidas são aquelas de cor branco-puro ou vermelho-in-tenso. As cores intermediárias, como o marfim ou o rosado, são talvez, um pouco menos atrativas, devido à relativa pequenez das flores, que resultam num conjunto algo não tão vistoso.

Wednesday, October 14th, 2009 | Author:

Planta espirradeira

Em todo o caso, podem ser facilmente agrupáveis em três categorias:
• Flores simples
• Flores semiduplas (onde tem-se uma segunda ordem de pétalas bem formadas sobrepostas às primeiras)
• E flores dobradas (onde as pétalas aparecem em diversas camadas).

Thursday, October 08th, 2009 | Author:

Oleandro flor

A durabilidade da floração, consideravelmente longa, pode ser aumentada ainda mais com um tratamento apropriado. O raciocínio é que, se as flores só brotam no ápice de ramos novos, o ideal é estimular a emissão desses ramos. Assim, basta que logo após a floração, se pode ligeiramente, em cerca de um terço, todos os galhos menos O viçosos, afim de que eles rebrotem e produzam flores mais tarde.

Wednesday, October 07th, 2009 | Author:

Espirradeira branca

As flores aparecem no começo do verão meteorológico mais ou menos um mês antes do verão astronômico no ápice dos ramos novos, quando esses tiverem seu crescimento ultimado. Desabro-cham sucessivamente, sendo que cada corola é ligeiramente tubular, abrindo-se pouco depois em cinco pétalas, nas cores rosa, branco ou vermelho.

Tuesday, October 06th, 2009 | Author:

Espirradeira nome cientifico

No estado natural, a planta ramifica na base a cada primavera, adquirindo o aspecto de uma moita que, se resguardada do vento, alcança facilmente 3 ou 4 metros de altura. Mas pode também ser educada como árvore. Basta escolher o ramo vertical mais grosso, ir eliminando os outros e todas as brotações baixas que forem surgindo no tronquinho. Essas podas devem continuar sendo feitas até que o tronco adquira a altura de um par de metros, e passe então a formar uma copa, a partir das ramificações lá de cima.

Monday, October 05th, 2009 | Author:

Nerium odorum

Nerium odorum indiana de origem, classificada como “odorum” por ser mais perfumada, mas não muito diferente do oleander propriamente dito

Sunday, October 04th, 2009 | Author:

Nerium oleander

Carteira de Identidade
Linneu certamente inspirou-se aí para batizar o gênero como Nerium. Gênero botânico que apresenta apenas duas espécies conhecidas.
Nerium oleander originária da bacia mediterrânea, incluindo o Oriente Médio, e que recebeu a nomenclatura “oleander” em função da semelhança das folhas com as das oliveiras.

Thursday, October 01st, 2009 | Author:

Planta espirradeira

Mesmo quando a natureza está adormecida pela estiagem, com as folhas da maioria das plantas transformadas numa monótona sucessão de tons quase cor de cinza, à beira dos regatos ressequidos, ou onde haja alguma umidade no subsolo, grupos verdes de oleandros podem mostrar uma cerrada florescência.

Wednesday, September 30th, 2009 | Author:

ESPIRRADEIRA

Conheça tudo sobre o OLEANDRO aliás ESPIRRADEIRA
Qualquer jardim ou terraço pode tirar vantagem da versatilidade do oleandro. Ele funciona igualmente bem como touceira isolada, como cerca-viva e até como arvoreta. Em qualquer caso, florescendo sempre por longos períodos…